23º Congresso Brasileiro de Economia

Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

ESTUDO GEOGRÁFICO/ECONÔMICO DOS ESPAÇOS URBANO: UM OLHAR GEOGRÁFICO NO RESIDENCIAL VIVER MELHOR MANAUS

Resumo

A cidade tem sido um dos objetos de preocupação da Geografia, em resumo, seu espaço. O Residencial Viver Melhor em Manaus ocupa um espaço dentro de Manaus e poderia até ser chamado de uma cidade dentro da cidade, segundo dados da associação dos síndicos do Viver Melhor, vivem aproximadamente 62 mil pessoas nesta localidade, possui uma população bem maior que muitos municípios do Amazonas. O viver melhor é localizado na Zona Norte no bairro Santa Etelvina. Alguns estudos apontam este conjunto habitacional como sendo uma das alternativas que muitas famílias encontraram para realizarem o sonho da casa própria. Quero com esta pesquisa identificar se há nexo causal que possa dar uma sustentabilidade no conceito de padrões espaciais, de organização do espaço e a hierarquização das cidades. A geografia urbana passa a ser uma ciência que começa a ter um olhar cientifico, econômico e crítico, nesse sentido os estudos irão buscar analisar as funções das cidades, suas regiões de influência, suas redes de relações, onde este espaço agora povoado de maneira linear passa a proporcionar um novo espaço urbano na cidade. E para tal disposição irei optar por usar as ferramentas da Geografia Urbana, que de acordo com Clark é assim teorizada.
A Geografia Urbana é o ramo da Geografia que se concentra sobre a localização e o arranjo espacial das cidades. Ela objetiva acrescentar uma dimensão espacial à nossa compreensão de lugares e dos problemas urbanos. Os geógrafos urbanos estão interessados em identificar e explicar a distribuição das cidades e as semelhanças e contrastes que ocorrem dentro e entre elas. Eles estão interessados no estudo do padrão urbano contemporâneo e nas maneiras como as distribuições e os arranjos internos das cidades se modificam ao longo do tempo (CLARK, 1990, p. 19)
A cidade, o espaço urbano, é um espaço geográfico e econômico, e assim é um produto histórico e social (SOUZA, 1988) Deste modo, o espaço urbano se constitui em reflexo e condição de uma determinada sociedade, mediada pelas condições técnicas de determinada época histórica (CORRÊA, 1989).
É com este olhar que esta pesquisa irá se debruçar, hoje é possível visualizar que de fato o espaço urbano agora ocupado tem uma influencia direta no cotidiano desta localidade e por consequência na cidade de Manaus, o que nos permiti verificar que há uma dinâmica característica já incorporada ao dia-a-dia das pessoas neste novo espaço urbano. Mesmo sendo um conjunto habitacional este novo espaço passa por constantes mudanças tais como: construção de uma feira, construção de espaço de lazer, reformas em residências, redefinição das vias e melhorias na pavimentação, construção de escolas, de postos de saúde. Estas mudanças constantes existem até como um instrumento de concentrar as pessoas neste local sem terem a necessidade de se deslocarem a outra local da cidade, segundo Corrêa (1997) o espaço urbano é composto de fragmentos. No entanto, estes se encontram articulados de diversas maneiras. Em fim iremos abordar as questões socioeconômicas.

Abstract

The city has been one of the objects of concern of Geography, in short, its space. Residencial Viver Melhor in Manaus occupies a space within Manaus and could even be called a city within the city, according to data from the Association of Trustees of Viver Melhor, live approximately 62 thousand people in this locality, has a population much larger than many municipalities of the Amazon. The best live is located in the North Zone in the neighborhood Santa Etelvina. Some studies point to this housing complex as one of the alternatives that many families have found to realize the dream of home ownership. I want with this research to identify if there is a causal link that can give sustainability in the concept of spatial patterns, of space organization and the hierarchy of cities. Urban geography becomes a science that begins to take a scientific, economic and critical view, in this sense the studies will seek to analyze the functions of cities, their regions of influence, their networks of relations, where this space now populated in a linear way starts to provide a new urban space in the city. And for such a disposition I will choose to use the tools of Urban Geography, which according to Clark is thus theorized.

Urban Geography is the branch of Geography that focuses on the location and spatial arrangement of cities. It aims to add a spatial dimension to our understanding of places and urban problems. Urban geographers are interested in identifying and explaining the distribution of cities and the similarities and contrasts that occur within and between cities. They are interested in the study of the contemporary urban pattern and in the ways in which the distributions and inner arrangements of cities change over time (Clark, 1990: 19)

The city, the urban space, is a geographic and economic space, and so it is a historical and social product (SOUZA, 1988). Thus, urban space is constituted in reflex and condition of a determined society, mediated by the technical conditions of a certain historical period (CORRÊA, 1989).

It is with this look that this research will examine, today it is possible to visualize that in fact the urban space now occupied has a direct influence on the daily life of this locality and consequently in the city of Manaus, which allowed us to verify that there is a characteristic dynamic already incorporated into the daily life of people in this new urban space. Even though it is a housing complex, this new space goes through constant changes such as: construction of a fair, construction of leisure space, remodeling of homes, redefinition of roads and improvements in paving, construction of schools, health posts. These constant changes even exist as an instrument to concentrate people in this place without having to move to another place of the city, according to Corrêa (1997) the urban space is composed of fragments. However, these are articulated in various ways. In the end we will address the socioeconomic issues.

Palavras Chave

espaços, geografia urbana, socioeconômica, economia

Keywords

spaces, urban geography, socioeconomics, economics

Referências

CLARK, David, Introdução à Geografia Urbana. Porto – Portugal: Editora Bertand, 1991.
CORRÊA, Roberto Lobato. O espaço urbano. São Paulo: Editora Ática S.A., 1989.
SOUZA, Maria Adélia de. Governo Urbano. São Paulo: Nobel, 1988.

Área

Bloco III – Políticas Públicas - Distribuição de Renda, Desigualdade Social e Diminuição da pobreza

Autores

RANGEL DA ROCHA BATISTA